VALEI-ME, SÃO JOSÉ!

VALEI-ME, SÃO JOSÉ!SÃO JOSÉ

Em tempos dramáticos, os cristãos jamais devem perder a esperança. “A esperança não engana!” (Cf. Rm 5,5). O nosso País e o mundo inteiro atravessam com muita apreensão este momento de avanço da COVID – 19. O medo parece ser algo que não conseguimos evitar. Contudo, devemos nos assemelhar ao glorioso São José, Esposo da Santíssima Virgem Maria, que em tudo dependeu de Deus. Sabemos de quantas dificuldades iremos enfrentar, mas a fé será nosso porto seguro. O Senhor caminha conosco. E temos os Santos como fiéis companhias nesses desertos da história humana.

A IGREJA nos ensina a contar com a intercessão e a proteção de São José em tempos de pestes. Essa proteção também significa iniciativa humana. Devemos rezar muito, pedindo a proteção de Deus, para que livre nosso povo de grandes males, como a pandemia da COVID -19. E devemos nos atentar rigorosamente aos hábitos higiênicos e seguir as orientações das autoridades de saúde. Vamos atravessar juntos, como um povo unido, esses dias difíceis. Mas não nos esqueçamos de que atravessaremos sob a proteção da Mão de Deus!

Existe, na tradição oracional da Igreja, uma oração muito antiga de São José que nos ensina a pedir a proteção de Deus em tempos de batalhas:

“Ó SÃO JOSÉ,

cuja proteção é tão grande, tão forte e tão imediata diante do trono de Deus, a Vós confio todas as minhas intenções e desejos.

Ajudai-me, São José, com a vossa poderosa intercessão, a obter todas as bênçãos espirituais por intercessão do vosso filho adotivo, JESUS CRISTO, NOSSO SENHOR, de modo que, ao confiar-me, aqui na terra, ao vosso poder celestial, Vos tribute o meu agradecimento e homenagem.

Ó SÃO JOSÉ, eu nunca me canso de contemplar-Vos com Jesus adormecido nos vossos braços. Não ouso aproximar-me enquanto Ele repousa junto do vosso coração.

Abraçai-O em meu nome, beijai por mim o seu delicado rosto e pedi-Lhe que me devolva esse beijo, quando eu exalar o meu último suspiro”.

Nossa vida nesta terra é sempre um combate. A fé é nosso consolo. E essa faz os nossos lábios e atitudes rezarem constantemente:

VALEI-ME, SÃO JOSÉ!

O povo paraibano, bem como o povo brasileiro não está sozinho. O Senhor caminha à nossa frente; não há por que temer!

Dom Frei Manoel Delson.

Arcebispo da Paraíba- Publicado no jornal Correio da Paraíba – Edição de 22.03.2020

Acesso Restrito