RITOS INICIAIS

Intenções:

ANIM: Caríssimos irmãos e irmãs!!

A Palavra de hoje convida-nos a acolher o “novo” de Deus, cultivando a justiça divina que dignifica a vida humana, partilhando os carismas em favor do bem comum e tornando-se servidor do vinho novo do Evangelho, pelo serviço evangelizador. Sejam bem-vindos! Iniciemos a Santa Missa, cantando.

            

ACOLHIDA

PR.: Em nome do Pai e do Filho e do Espirito Santo.

T. Amém.

PR.: A graça de Deus Pai que realiza maravilhas entre nós e a presença do Espirito Santo que nos une para festa da vida digna estejam convosco.

T. Bendito seja Deus, que nos reuniu no amor de Cristo.

INTRODUÇÃO AO MISTÉRIO

PR.: Estamos na primeira parte do Tempo Comum, que durará até a terça feira antes das cinzas.

         Hoje veremos o primeiro milagre de Jesus, nas Bodas Caná. Momento

no qual Jesus, simbolicamente, oferece o vinho novo do Evangelho para que o “novo” de Deus aconteça entre nós e pela partilha dos carismas.

       Se pecamos por não saborear em nossas vidas o vinho novo do Evangelho oferecido por Jesus peçamos perdão.

ATO PENITENCIAL

PR.: Senhor, porque a justiça não brilha entre nós como um luzeiro para testemunhar vosso amor para conosco, tende piedade de nós.

T. Senhor, tende piedade de nós!

PR.: Cristo, pelas nossas indiferenças diante das necessidades de irmãos e irmãs necessitados de consolo espiritual e de ajuda material, tende piedade de nós.

T. Cristo, tende piedade de nós!

PR.: Senhor, pelas omissões de colocar a serviço do bem comum os carismas que recebemos do vosso Santo Espírito, fonte de vida e do testemunho evangelizador, tende piedade de nós.

T. Senhor, tende piedade de nós!

PR.: Deus bondoso, perdoai nossos pecados e concedei-nos a graça de participar da festa nupcial onde seremos servidos com o vinho da vida eterna.

T. Amém!                      

HINO DE LOUVOR

PR.: Cantemos um “Canto Novo” ao nosso Deus, glorificando seu Santo nome e exaltando suas obras.

ORAÇÃO DO DIA

(Missal. Pág. 346)

PR.: Deus eterno e todo-poderoso, que governais o céu e a terra, escutai com bondade as preces do vosso povo e dai ao nosso tempo a vossa paz. PNSJC.

T.: Amém!

LITURGIA

DA PALAVRA

PRIMEIRA LEITURA:

(Isaías 62, 1-5)

Leitura do Livro do Profeta Isaías:

1Por amor de Sião não me calarei, por amor de Jerusalém não descansarei, enquanto não surgir nela, como um luzeiro, a justiça e não se acender nela, como uma tocha, a salvação.

2As nações verão a tua justiça, todos os reis verão a tua glória; serás chamada com um nome novo, que a boca do Senhor há de designar. 3E serás uma coroa de glória na mão do Senhor, um diadema real nas mãos de teu Deus.

4Não mais te chamarão Abandonada, e tua terra não mais será chamada Deserta; teu nome será Minha Predileta e tua terra será a Bem-Casada, pois o Senhor agradou-se de ti e tua terra será desposada.

5Assim como o jovem desposa a donzela, assim teus filhos te desposam; e como a noiva é a alegria do noivo, assim também tu és a alegria de teu Deus.

- Palavra do Senhor.

- Graças a Deus.

SALMO RESPONSORIAL: (Sl 95)

Cantai ao Senhor Deus um canto novo, manifestai os seus prodígios entre os povos!

— Cantai ao Senhor Deus um canto novo,/ cantai ao Senhor Deus, ó terra inteira!/ Cantai e bendizei seu santo nome!

— Dia após dia anunciai sua salvação,/ manifestai a sua glória entre as nações,/ e entre os povos do universo seus prodígios!

— Ó família das nações, dai ao Senhor,/ ó nações, dai ao Senhor poder e glória,/ dai-lhe a glória que é devida ao seu nome!/ Oferecei um sacrifício nos seus átrios.

— Adorai-o no esplendor da santidade,/ terra inteira, estremecei diante dele! / Publicai entre as nações: “Reina o Senhor!”/ pois os povos ele julga com justiça.

SEGUNDA LEITURA:

(1 Cor 12, 4-11)

Leitura da Primeira Carta de São Paulo aos Coríntios:

Irmãos: 4Há diversidade de dons, mas um mesmo é o Espírito.

5Há diversidade de ministérios, mas um mesmo é o Senhor.

6Há diferentes atividades, mas um mesmo Deus que realiza todas as coisas em todos.

7A cada um é dada a manifestação do Espírito em vista do bem comum.

8A um é dada pelo Espírito a palavra da sabedoria. A outro, a palavra da ciência segundo o mesmo Espírito. 9A outro, a fé no mesmo Espírito. A outro, o dom de curas no mesmo Espírito. 10A outro, o poder de fazer milagres. A outro, profecia. A outro, discernimento de espíritos. A outro, falar línguas estranhas. A outro, interpretação de línguas.

11Todas estas coisas as realiza um e o mesmo Espírito, que distribui a cada um conforme quer.

- Palavra do Senhor.

- Graças a Deus.

ACLAMAÇÃO AO EVANGELHO

Aleluia, aleluia, aleluia!

EVANGELHO: (Jo 2, 1-12)

Anúncio do Evangelho (Jo 2,1-11)

— O Senhor esteja convosco.

— Ele está no meio de nós.

— PROCLAMAÇÃO do Evangelho de Jesus Cristo + segundo João.

— Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, 1houve um casamento em Caná da Galileia. A mãe de Jesus estava presente. 2Também Jesus e seus discípulos tinham sido convidados para o casamento. 3Como o vinho veio a faltar, a mãe de Jesus lhe disse: “Eles não têm mais vinho”. 4Jesus respondeu-lhe: “Mulher, por que dizes isto a mim? Minha hora ainda não chegou”.

5Sua mãe disse aos que estavam servindo: “Fazei o que ele vos disser”.

6Estavam seis talhas de pedra colocadas aí para a purificação que os judeus costumam fazer. Em cada uma delas cabiam mais ou menos cem litros.

7Jesus disse aos que estavam servindo: “Enchei as talhas de água”. Encheram-nas até a boca. 8Jesus disse: “Agora tirai e levai ao mestre-sala”. E eles levaram.

9O mestre-sala experimentou a água, que se tinha transformado em vinho. Ele não sabia de onde vinha, mas os que estavam servindo sabiam, pois eram eles que tinham tirado a água.

10O mestre-sala chamou então o noivo e lhe disse: “Todo mundo serve primeiro o vinho melhor e, quando os convidados já estão embriagados, serve o vinho menos bom. Mas tu guardaste o vinho melhor até agora!”

11Este foi o início dos sinais de Jesus. Ele o realizou em Caná da Galileia e manifestou a sua glória, e seus discípulos creram nele.

— Palavra da Salvação.

— Glória a vós, Senhor.

HOMILIA

PROFISSÃO DE FÉ

PRECES DA ASSEMBLÉIA

PR.: Convidemos Maria, a Mãe de Jesus para que interceda conosco ao Pai, ela que intercedeu em favor dos noivos nas Bodas de Caná.

T.:     Maria, Mãe de Jesus, intercedei conosco ao Pai!

ANIM.: “Não descansarei enquanto não surgir na comunidade o luzeiro da justiça”.

01. Concedei, Senhor, aos pastores da Igreja e a todo o povo, a graça de transformar as comunidades cristãs em locais onde brilha a vossa justiça e a vossa salvação.

ANIM.: “Cantai ao Senhor Deus um canto novo”

02. Ajudai-nos, Senhor, a fazer com que nossos projetos e nossas ações em vista de uma comunidade mais feliz sejam um canto novo e um louvor vivo que chegue até vós.

ANIM.: “Há diferentes dons... Há diferentes mistérios... Há diferentes atividades, mas um mesmo Deus que realiza todas as coisas”.

03. Tornai-nos humildes, Senhor, para que os carismas os mistérios e as atividades que exercemos na comunidade sejam para o bem comum.

ANIM.: “Fazei tudo que ele vos disser”.

04. A exemplo de Maria, tornai-nos, Senhor, mais atentos com pobres e aos mais necessitados de nossa comunidade, para que a festa da vida nunca termine.

ANIM.: “Manifestou a sua glória e seus discípulos creram nele”.

05. Abençoai, Senhor, a Jornada Mundial da Juventude, que terá início no próximo dia 22, e derramai o vosso Santo Espírito para que os jovens torne-se sempre mais discípulos Evangelizados e Evangelizadores com o vinho novo do Evangelho.

PR.: Acolhei nossas preces, Pai bondoso, que apresentamos, apoiados pela intercessão de Maria a Mãe do vosso Filho Jesus, ele que convosco vive e reina pelos séculos dos séculos.

T. Amém

 

LITURGIA

EUCARÍSTICA

(Canto de preparação das oferendas)

 

CONVITE À ORAÇÃO

(Missal. Pág. 404 )

PR: Orai, irmãos e irmãs, para que levando ao altar as alegrias e as fadigas de cada dia, possamos oferecer um sacrifício aceito por Deus Pai todo-poderoso.

T: Receba o Senhor por tuas mãos...

SOBRE AS OFERENDAS

(Missal. Pág. 346)

PR.: Concedei-nos, ó Deus, a graça de participar constantemente da Eucaristia, pois todas as vezes que celebramos este sacrifício, torna-se presente a nossa Redenção. PCNS

T.: Amém!

ORAÇÃO EUCARÍSTICA

Prefácio: O Mistério Pascal e o povo de Deus (Missal pág. 428)

Santo

Oração III (Missal pág. 482)

Pai nosso

Conscientes que o Espírito Santo age em nós para o bem comum e da fraternidade rezemos a oração da unidade fraterna ensinada por Jesus: Pai Nosso...

Cordeiro

RITO DA COMUNHÃO

(Canto para a distribuição eucarística)

Fazei tudo o que ele vos disser!

Eis o Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo.

DEPOIS DA COMUNHÃO

(Missal. Pág. 346)

PR: Penetrai-nos, ó Deus, com o vosso Espírito da caridade, para que vivam unidos no vosso amor os que alimentais com o mesmo pão. PCNS.

T.: Amém!

RITOS FINAIS

PÃO DAS CRIANÇAS

AVISOS

Oração pelas vocações e pelos sacerdotes

Divino Salvador Jesus Cristo/concedei-nos sacerdotes   santos,/ inflamados no fogo do vosso amor /totalmente doados a edificação da vossa Igreja. / E vós, o Maria, mãe dos sacerdotes,/ vós que sois a onipotência suplicante,/ socorrei-os a todos,/ nos trabalhos e dificuldades em que se encontrarem./ Virgem Mãe e Rainha dos Apóstolos   de   Jesus,/ aumentai nas famílias o respeito e o amor ao sacerdócio;/suscitai novas vocações sacerdotais e religiosas./ Guiai, segundo o amor do vosso coração, os nossos seminaristas/ para que sejam mais tarde dignos Ministros do Altar,/ santos e dedicados pastores do povo Cristão./ Assim seja!

BÊNÇÃO E DESPEDIDA

(Missal. Pág. 532)

Oração sobre o Povo, n. 7,

 

 

CANTO FINAL

EQUIPE RESP. SÃO MARCOS

Equipes:

Sábado

Domingo: Manhã

Domingo: Tarde

Domingo: Noite

ESPAÇO DE EVANGELIZAÇÃO

biblia

Visitantes On-Line

Nós temos 382 visitantes e 1 membro online

Contador de Visitas

01494437

Acesso Restrito